20 de julho de 2010

...até o objeto amado


'O amor é esperto: ele sempre acha um jeito de chegar até o lugar onde mora o objeto amado. Pois não foi isso que fez a Rapunzel? Ela, presa na torre. O seu amor, lá em baixo, longe... Aí o seu desejo do abraço fez seus cabelos crescerem, crescerem muito, até chegar ao chão. E os seus cabelos se transformaram, então, numa escada pela qual o seu Príncipe subiu até ela. Um psicanalista imaginoso diria logo: cabelos são fios que saem da cabeça. Ora, os fios que nascem da cabeça são os pensamentos. O amor faz nascer os pensamentos que levam até o objeto amado.'

R. Alves

Em 20/07/2010

2 comentários:

  1. Irei pensar bastante pra ver se consigo chegar até o meu objeto de amor *----* Rsrs

    ResponderExcluir

 
Copyright © 2010-2011 Vou sair pra ver o céu. Todos os direitos reservados. Design by Jr. Souza